Recomendação do Recanto




"Não subestime o desprezo absoluto das pessoas. Tornar-se um pária não é fácil. As pessoas acreditam que o diabo é Satan. Ignoram que o mundo é muito mais antigo que o cristianismo. Tudo para essas pessoas ignorantes é coisa do “diabo”. E julgam, recriminam e segregam. Ainda que isso seja um pecado diante de Deus. Porém, estranhamente é exatamente esse comportamento hipócrita e preconceituoso que a Igreja incentiva. É tudo tão absurdo. E afinal o que são os pecados? É uma maneira de controle do ser humano, de condená-lo, de inserir culpa pelos seus desejos naturais, de submetê-lo, de castrar seus pensamentos. É tudo tão ridículo."

Entre em contato!



Dúvidas? Opiniões? Ofensas pessoais? Gostaria de trabalhar conosco ou colaborar com suas produções?

Entre em contato!

recanto_do_opositor@hotmail.com

Firefox



Firefox

Satan usa Firefox. Todo o Inferno usa Firefox. Aceite-o como seu único navegador.

Pescoço inclinado, nariz para cima, olhos para frente e para o alto

Escrito por Recanto do Opositor

Há uma palavra em Alemão que é: hochnäsig. Não apenas por ter sido minha opção acadêmica o estudo pela tal língua que inicio o texto desta forma. Esta pequena palavra consegue conter exatamente a postura sobre a qual pretendo falar. Para quem não conhece a tradução, é simples. Pode significar, de acordo com o contexto sintático, tanto "aquele que tem nariz em pé" (adjetivo) como a "maneira de portar-se com o nariz em pé" (advérbio de modo). Independente disto, creio que deva ter sido possível entender exatamente do que estou falando. E sobre tal, alguns comentários...

Quem conhece o Satanismo já foi capaz de perceber que humildade não é nosso forte. Muito pelo contrário, somos totalmente contra falsas modéstias e nosso orgulho é baseado em nossos feitos, os quais não temos qualquer necessidade de negar, ou ainda atenuar para ficar mais agradável socialmente.

Também podemos perceber uma diferenciação muito clara, no que diz respeito à forma como nos identificamos em comparação com as outras pessoas (a massa, a plebe, as ovelhas...). Trata-se sim de um pensamento extremamente elitista, e para que não se pense em uma espécie de "satanocentrismo", digamos apenas que nos sentimos bem diferentes do demais.

E isto, naturalmente, possui implicações diretas em nosso comportamento. Talvez muitos já estejam acostumados com uma postura hochnäsig, mas como não sei o que se passa pela cabeça de meus leitores, bem como não posso prever maiorias e minorias, acredito que outras pessoas não a considerem (ainda) de forma notável.

Mas o que diabos (sempre a mesma piadinha) este tipo de comportamento poderia me oferecer?

Como nem todos estão acostumado a falar de si mesmo com um mínimo de orgulho justificável, a primeira impressão que se tem é de que você é uma pessoa arrogante, presunçosa e pretensiosa. E nestes casos, basta se lembrar de manter em prática a sua auto-crítica e seu cuidado constante com a auto-ilusão para saber se de fato suas palavras estão a dizer mais do que podem ou deveriam. Se de fato a preocupação com a exposição for considerada, é bem provável que seus comentários não distem daquilo que você realmente é. E neste caso, a conclusão é simples, de fato, estará como elite a comunicar-se com a massa.

Entretanto, o hochnäsig não se limita apenas por sua aparente arrogância. É muito mais do que isto. É pescoço inclinado, nariz para cima, e olhos para frente e para o alto.

O pescoço inclinado é o reconhecimento de que há algo acima, e abaixo de nós. Para este último, nosso desprezo, e para os que se erguem às alturas do céu, nosso direcionamento, e não submissão, do contrário nosso queixo apontaria para nosso peito.

O nariz para cima afasta, ainda que como uma mera tentativa, nossas narinas das sujeiras inferiores, em busca de ares mais limpos, nos quais não nos causem alergia a lã das ovelhas.

Os olhos para frente são para observar o horizonte em sua infinitude e aqueles que estão na mesma elevação que a nossa. Os olhos para o alto são para o que está e os que estão acima de nós, em sinal de respeito e observação para que em tais reconheçamos fontes de aprendizado.

Infelizmente nem todos pensam como nós. Infelizmente nem todos irão se destacar em suas atribuições e capacidades, como nós pretendemos e por tal lutamos todos os dias. Manter-se hochnäsig é nada mais senão uma forma de praticar a misantropia Satanista. Há pessoas que simplesmente nada têm a nos oferecer, e isto é um fato. Não devemos desperdiçar nosso precioso tempo com elas. Nossa vida é extremamente curta para a amplitude de nossos desejos e não nos convém diálogos e ações em vão com pessoas que não estão capacitadas a compreenderem nossas palavras ou a reconhecerem nossas atitudes.

Não somos a religião do sorriso amarelo, da hipocrisia, do socialmente agradável, da etiqueta do vagabundo, do respeito discriminatório. Eu não sou igual ao meu próximo, e não vou reconhecê-lo como tal. Nunca negaremos isto...

Hochnäsig? Por qual motivo não o deveria ser?!

2 Comments

  • gravatar
    Comment by Madame Morte

    E antes de ter certeza de estar pronto para mirar o céu, é de extrema e importância e necessidade dar um giro de 360 graus no globo ocular e olhar para dentro.

    Muitas pessoas apenas precisam expandir suas mentes, e com estímulos certos[difícil estabelecer um critério de certo e errado para para o que realmente é certo ou errado(¬¬)], qualquer um em qualquer lugar pode passar de ovelha à lobo; não é legal a forma como certas pessoas eventualmente possam levar à extremos o desprezo e a consciencia de superioridade.

    São caminhos estreitos, onde pisar fora da linha pode fazer alguém se tornar um babaca, e necessáriamente, seguir a linha talvez faça as coisas rígidas demais, firas demais.

  • gravatar
    Comment by Vítor Vieira

    Satanismo é como brincar com fogo... Quando sabemos manipulá-lo conseguimos grandes espetáculos... Mas àqueles com ausência de certas habilidades só restam queimaduras, ou até mesmo urinar na cama enquanto dormem...

    Eis o desafio.